Wednesday, January 16, 2013

The amazing world of Pierre Frey * O Maravilhoso Mundo da Pierre Frey

There was so much to say about this fabulous fabric and wallpaper brand, but I think I'll sum it up in a nutshell - the Pierre Frey is unique and bold, stylish and eclectic, full of poetry and realism.

Every time I lose myself in the catalogs I find a new crush! Last time was the famous Alexandrie, the wallpaper that ended up on my office wall. This time I came out with a new passion. The Ming (wallpaper or fabric). It's quite amazing! Actually, the first time I saw it was in a small furniture shop window in Amsterdam. I remember standing there looking at that window for so long I forgot the cold and the time! 


I love the uniqueness of the patterns. Of course some of them should be used in specific contexts, but to me they are like paintings coloured with art.


***

Havia tanto para dizer sobre esta fabulosa marca de tecidos e papéis de parede, mas acho que vou resumir tudo em poucas palavras - a Pierre Frey é única e audaz, elegante e eclética, repleta de poesia e realismo. 

Cada vez que me perco nos catálogos dos papéis e tecidos, saio sempre com uma paixoneta qualquer!! Da última vez foi o famoso Alexandrie, o papel de parede que acabou na parede da minha sala de trabalho. Desta vez lá vim eu com uma nova paixão...o Ming (papel de parede ou em tecido)...é lindo!... Curiosamente, a primeira vez que o vi, foi numa montra de uma loja de decoração em Amsterdão. Lembro-me de ter ficado especada a olhar, para toda uma montra forrada com o padrão em azul, lembro-me que esqueci o frio e as horas e fiquei que tempos a olhar para ele! Reparem nos padrões fora do comum. É claro que devem ser usados em doses controladas e contextos específicos, mas para mim são como quadros pintados de cor e arte.
















I love this last one for a boy's room. It has a gorgeous vintage look.

***
Adoro o toque vintage deste último, para um quarto de rapaz, por exemplo.
Qualquer um destes papeis de parede estão à venda na LojaQuerido  
ou na Multitecidos sob encomenda. 




Até Amanhã

Ana Antunes
(Thank you for sharing my passion for beautiful homes)

11 comments :

  1. Olá Ana, em primeiro lugar quero dizer que gosto imenso do seu programa, todos vimos cá em casa. Sou estudante de Design, já estou no Mestrado e, de repente, vou absorvendo muita informação, do que se passa no programa, tanto da parte das obras, que para mim são mais importantes, do que da própria implementação de equipamentos e criação de ambiências. Lembrei-me de passar estes autores, pois o gosto que demonstra por papéis de parede vai para lá de longe. William Morris foi o pioneiro no que toca a wallpapers, bem ao estilo Arts & Crafts, inglês, clássico, com imensas frutas e flores. Já no caso de Owen Jones, que é um designer muito menos conhecido, mas também brilhante, trata o papel de parede como algo de sagrado, com imenso recurso a padrões clássicos como gregas e cornucopias.Christopher Dresser foi mais um a tratar do papel de parede, um pouco mais racional do que os primeiros, mas tabém com o toque vegetalista e padronizado inglês.
    Só estrangeiros, porque se havia portugueses a própria História que se lecciona nas faculdades não os abrange, mas isto foi só um aparte. Parabéns à Loja Querido que, de alguma maneira, vai incutindo o bom gosto nas casas portuguesas que eram quase museus das "Lojas dos Trezentos" e parabéns também à Ana por este interessante blogue.
    Cumprimentos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olá André! obrigada pelas suas sugestões que vou concerteza pesquisar! Adoro descobrir padrões novos e diferentes!

      Delete
  2. Querida Ana,

    Num dia cinzento e chuvoso venho eu ao seu blogue mais por rotina do que por outra coisa. E depois tenho este post: puro espanto, sorriso nos lábios. Deliciei-me com todos. Foi um banho de belo que me lavou a alma e afastou o ar mais sorumbático. Cada vez mais acho que nós, os seres humanos, vivemos para o belo e precisamos dele- material ou não (vou já parar com estas liberdades melodramáticas no seu blogue).
    Gostei sobretudo dos primeiros, em tom azul. Fazem-me lembrar trabalhos muito parecidos que vi feitos (mas para tecido) com motivos de azulejaria portuguesa séc. XVII/XVIII. Azulejaria de resto, inspirada pela porcelana Ming deste fabuloso papel de parede que nos "oferece".
    Obrigado com um sorriso que não estava cá antes de ver este post.

    ReplyDelete
  3. Bem...
    Coincidência ou não... vi todos os papeis e pensei... este dos balões ficava mesmo bem no quarto do meu filho.. ando a pensar em alterar a decoração... mas só lá mais para diante... Gostaria muito de colocar o quarto dele em tons de azul e vermelho...
    Enfim, é bom saber que o padrão é o seu favorito, no fundo é como se a Ana entrasse na minha casa e fizesse o quarto do meu filho...
    Beijos
    Sónia Primo Dias

    ReplyDelete
  4. Aninhas de facto esta marca consegue tirar-nos do sério no que toca a padrões mas Aninhas eu sou tão pobresinha....eles são tão caritos!!será que não há uns "Pedros Feios"tugas que possamos dar a volta? estou a brincar!há que fazer escolhas porque uma parede com este papel e as casa ficam lindas!um grande bj

    ReplyDelete
  5. Sim Ana tem toda a razão é preciso ter algum cuidado ao coloca-lo, mas de resto basta este pequeno apontamento que o espaço fica logo com outro ar.
    Bjs e boa semana
    Dulce e Célia

    ReplyDelete
  6. Carissima Ana, Adoro, acho que são super gráficos, estou obcecado por o azul com riscas (e chapéus de sol), deve ser derivado da minha obsessão para este ano por ambientes marítimos, ou do Mediterrâneo!! ;))

    ReplyDelete
  7. Olá Ana,
    São mesmo fabulosos...eu gosto especialmente dos 3 primeiros, colocava-os numa zona de refeição...
    Beijinhos.

    ReplyDelete
  8. Hi Ana, I so agree with you about Pierre Frey! And isn't the website such fun?!

    ReplyDelete
  9. Olá,Ana.Gosto muito do seu trabalho e vi um episódio em que colocou uns espelhos do Ikea,uns que são conjuntos de 10 com dois tons de bronze.Eu comprei um conjunto desses mas queria ver como os colocou,porque não encontro esse episódio.
    Beijinhos e keep on the good work!!

    ReplyDelete
  10. Olá,Ana.Gosto muito do seu trabalho e do seu blog!!Vi uma vez(acho que não sonhei!!)num programa onde colocou uns espelhos do Ikea,uns que são vendidos em conjuntos de 10 com dois tons de bronze.Eu comprei-os mas gostava mesmo de ver como é que os colocou,mas não encontro imagens nem o episódio.
    Obrigada e keep up the good work!!

    ReplyDelete

Comments here: